A MatosinhosHabit integrou esta semana mais famílias no âmbito do Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento (PMAA). Distribuídas por diversas freguesias, este é um apoio essencial na promoção de habitação digna no concelho.

A MatosinhosHabit acaba de incorporar mais 19 famílias matosinhenses no programa municipal de apoio ao arrendamento. Estas famílias estão distribuídas por todo o concelho de Matosinhos.

As candidaturas ao PMAA decorreram no passado mês de abril e apesar das restrições no atendimento ao público, devido à pandemia do Covid-19, a MatosinhosHabit manteve-se em atividade e a diligenciar atendimentos e processos à distância. Durante o período de confinamento, a MatosinhosHabit aproveitou ainda para efectuar o lançamento da plataforma de candidatura online para o PMAA e programas habitacionais.

Implementado em 2009, o Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento surge com o propósito de disponibilizar soluções adequadas para os problemas habitacionais em Matosinhos, apoiando cerca de 700 famílias do concelho através do subsídio de renda. No total, o investimento anual do município ronda os 855.651.60€.

Tiago Maia, administrador da MatosinhosHabit, sublinha a importância da continuidade do PMAA: «Os valores aplicados no mercado privado de arrendamento complicam o acesso de muitas famílias na obtenção de uma casa, dado que muitas não reúnem os critérios para a atribuição de habitação social. Por outro lado, os agregados enfrentam muitas vezes situações adversas, como desemprego e doença, o que implica diminuição de rendimentos e, consequentemente, incapacidade para suportar as responsabilidades relacionadas com a habitação. O PMAA constitui, por isso, uma alternativa à habitação social, evitando desalojamentos relacionados, por exemplo, com acções de despejo.»