A Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos visitou hoje duas das instituições localizadas em conjuntos habitacionais cuja gestão está a cargo da MatosinhosHabit e que foram alvo de melhorias significativas.

Luísa Salgueiro fez-se acompanhar pelo administrador da MatosinhosHabit, Tiago Maia.

A primeira deslocação foi ao Conjunto Habitacional das Farrapas, em Perafita, que acolhe desde 2005 a Associação de Apoio Social de Perafita.
Esta instituição surgiu em 1997 com o objetivo de melhorar as condições de vida de pessoas portadoras de algum grau de dependência. Todavia, com o tempo, foi dando resposta a outras necessidades emergentes como situações de isolamento social, de carências socioeconómicas e familiares, e de melhores cuidados de saúde.

O Serviço de Apoio Domiciliário, o Centro de Dia e o Lar de Dependentes da Bataria são as suas principais valências.

A intervenção agora em curso pela MatosinhosHabit, num valor superior a 10.500 euros, prevê a reabilitação do cerâmico da cozinha e do bar de apoio, e a instalação de um novo sistema de exaustão. A pensar no futuro, foram abordadas outras necessidades nomeadamente, o aumento da capacidade de resposta e novos projetos para o ringue existente no Conjunto Habitacional das Farrapas.

Seguiu-se a visita à Associação de Familiares, Utentes e Amigos do Hospital de Magalhães Lemos, a funcionar desde 2004 em instalações cedidas pela Câmara Municipal de Matosinhos no Conjunto Habitacional de Gatões (Guifões).

A AFUA-HML é uma Instituição Particular de Solidariedade Social. Criada em 1999, tem a missão de promover a saúde mental junto da comunidade e a reabilitação e integração social das pessoas com experiência em doença mental, dar apoio aos que delas cuidam, bem como contribuir para a definição de políticas de saúde mental.

A Unidade Sócio Ocupacional tem atualmente capacidade de resposta para 25 utentes. Teatro, música, desporto, atividades de estimulação cognitiva, ações de sensibilização nas escolas são algumas das atividades envolvidas neste projeto.

A parceria com a autarquia, ao longo dos anos, abrange, além da cedência de instalações, o apoio para obras e equipamentos, apoio para atividades e prática desportiva no pavilhão e piscinas de Guifões.

Em julho do ano passado, ao abrigo de um protocolo assinado com o Ministério da Saúde, a Unidade Sócio Ocupacional foi convertida em Unidade Sócio Ocupacional e integra agora a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados. Prevê-se no futuro a criação de mais 30 vagas.
As intervenções agora realizadas pela MatosinhosHabit incidiram na substituição total do pavimento, pintura, colocação de estores, e retificação e prolongamento da rampa exterior de acesso às instalações. O investimento foi superior a 12 mil euros.